Asul <$BlogRSDUrl$>    
Asul Entre a Barreta e o Levante

Museum On The Seam

  "ao fim da tarde
   as sombras da ilha
   desenham o voo das aves
   nas águas da ria
"

José Carlos Barros   



Proud  Owner  Of  A
Page Rank Blog

Correio Asul


Rádio Asul


Twitter Asul
    follow me on Twitter



    Blogs
    A Arlapa
    A Lâmpada Mágica
    A Minha Matilde & Cª
    A Origem das Espécies
    A Revolta dos Griséus
    Aberratio Ictus
    Abrupto
    Alcabrozes
    All Garb Desunited
    @l(maria)do
    Alvito - Baixo Alentejo
    António Boronha
    Ardeu a padaria
    Arrastão
    Art & Design de Isabel Filipe
    Beja
    Berço de Ouro
    Blogue dos Marretas
    :)canalsonora(:
    Canuckpt
    Casa de Cacela
    Certamente!
    Charquinho
    Chocolate com Pimenta
    Claras Crónicas
    Coiso & Tal
    Confessionário do Dilbert
    Crónicas do Pete
    Dar de vaia
    Dias que Voam
    Do Portugal Profundo
    Fábulas
    Faro este
    Fala & Come
    Formiga Assassina
    Freedom Force - Olhão
    Futebolartte
    Galo Verde
    Gastr'eat'
    I am you
    Insular
    Just Feelings
    Local & Blogal
    LOLgarve
    Meu Bazar de Ideias
    Meu Querido Diário
    Mó! Tá o frio em monte, deb!
    Muro das lamentações de Pechão
    O Bate Estacas
    O blog do tóino
    O melhor blog do universo
    O Meu Anel
    O Repleto
    Olhão Leal
    Olhão livre
    Pechanense
    Perspectivas
    Portugal dos pequeninos
    Povo de Bahá
    Problema de Expressão
    Quintacativa
    Sempre Inocentes
    Sol&Tude
    Tames Xarengadze
    Terra do Sol
    Trento na língua
    Universo Catariniano
    Zone41

    Olhão...
    ... Institucional
    ... em Debate
    ... Vigilante
    ... na Teia
    ... na Rede
    ... Rubro-Negro
    ... VermelhiPrête
    ... Cinéfilo
    ... Heráldico
    ... Acontece
    ... é Notícia
    ... Uber Alles :)


    Roteiro
    Gastronómico
    Asul

    Almargem
    Amador, Marisqueira
    Aquário, O
    Barra Nova
    Bote, O
    Catedral do Marisco
    Charrete, A
    Livramento, O
    Sérgio

    Agregações



    Baú
    Outubro 2003
    Novembro 2003
    Dezembro 2003
    Janeiro 2004
    Fevereiro 2004
    Março 2004
    Abril 2004
    Maio 2004
    Junho 2004
    Julho 2004
    Agosto 2004
    Setembro 2004
    Outubro 2004
    Novembro 2004
    Dezembro 2004
    Janeiro 2005
    Fevereiro 2005
    Março 2005
    Abril 2005
    Maio 2005
    Junho 2005
    Julho 2005
    Agosto 2005
    Setembro 2005
    Outubro 2005
    Novembro 2005
    Dezembro 2005
    Janeiro 2006
    Fevereiro 2006
    Março 2006
    Abril 2006
    Maio 2006
    Junho 2006
    Julho 2006
    Agosto 2006
    Setembro 2006
    Outubro 2006
    Novembro 2006
    Dezembro 2006
    Janeiro 2007
    Fevereiro 2007
    Março 2007
    Abril 2007
    Maio 2007
    Junho 2007
    Julho 2007
    Agosto 2007
    Setembro 2007
    Outubro 2007
    Novembro 2007
    Dezembro 2007
    Janeiro 2008
    Fevereiro 2008
    Março 2008
    Abril 2008
    Maio 2008
    Junho 2008
    Julho 2008
    Agosto 2008
    Setembro 2008
    Outubro 2008
    Novembro 2008
    Dezembro 2008
    Janeiro 2009
    Fevereiro 2009
    Março 2009
    Abril 2009
    Maio 2009
    Junho 2009
    Julho 2009
    Agosto 2009
    Setembro 2009
    Outubro 2009
    Novembro 2009
    Dezembro 2009
    Janeiro 2010
    Fevereiro 2010
    Março 2010
    Abril 2010
    Maio 2010
    Junho 2010
    Julho 2010
    Agosto 2010
    Setembro 2010
    Outubro 2010
    Novembro 2010
    Dezembro 2010
    Janeiro 2011
    Fevereiro 2011
    Março 2011
    Abril 2011
    Maio 2011
    Junho 2011
    Julho 2011
    Agosto 2011
    Setembro 2011
    Outubro 2011
    Novembro 2011
    Dezembro 2011
    Janeiro 2012
    Fevereiro 2012
    Março 2012
    Abril 2012
    Maio 2012
    Junho 2012
    Julho 2012
    Agosto 2012
    Setembro 2012
    Outubro 2012
    Setembro 2013
    Outubro 2013

    This page is powered by Blogger. Isn't yours?

    Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

    Categoria? Sou contra isso!

    Blog Templates

    Anti-Spam - Lute Contra os Spammers

    Quem me chama?



        domingo, fevereiro 29, 2004  
    S.C.Olhanense X S.C.Farense 
    Hoje é dia de derby algarvio, disputado entre rubro-negros e alvi-negros.
    Depois de os melos terem invadido Faro a pé (foto de Tiago Rodrigues)

    aquando do jogo da 1ª volta (que o Olhanense venceu por uma bola a zero), desta feita são os carecas que pretendem invadir Olhão de barco.
    Haja imaginação e festa!

    proferido por Asulado @ 2/29/2004 09:40:00 da manhã
    |

        sábado, fevereiro 28, 2004  
    Perdão? 
    Os motores de busca proporcionam sempre visitas bastante interessantes aos blogs. Não as tenho referido ultimamente, mas não vou deixar de mencionar esta pelo seu insólito: "paulo+querido"+"policia+judiciaria".
    Será que o Querido Paulo anda a braços com a Justiça?

    proferido por Asulado @ 2/28/2004 11:02:00 da tarde
    |
     
    A proposta de Freitas II 
    Afinal houve mais alguém atento à proposta sobre o aborto de Freitas do Amaral.

    proferido por Asulado @ 2/28/2004 10:56:00 da tarde
    |
     
    CTT 
    Estação de Correio de S. Bárbara de Nexe permanece aberta
    Está a dar frutos a luta.

    proferido por Asulado @ 2/28/2004 04:45:00 da tarde
    |

        sexta-feira, fevereiro 27, 2004  
    Nome 
    A Marina mudou o nome do seu blog, deixou a Má Língua e virou-se para os Ficheiros Recônditos.
    A propósito ou não, achei interessante deixar-vos aqui algumas considerações sobre o "Nome", transcritas do livro 'A Bíblia do Humor Judaico II' de Marc-Alain Ouaknin e Dory Rotnemer:
    «(...) Mas é realmente possível mudar de nome? Segundo a tradição judaica, a mudança de nome é uma benção, uma prova de vida, do movimento e da continuidade do «eu» (...) Quando uma pessoa se encontra gravemente doente, realiza-se habitualmente uma cerimónia durante a qual se dá um novo nome ao doente a fim de ajudá-lo a curar-se (...)»

    proferido por Asulado @ 2/27/2004 02:48:00 da tarde
    |

        quinta-feira, fevereiro 26, 2004  
    O reino deles por um mapa 
    Não estava a pensar falar no jogo de ontem à noite, mas não podia deixar passar em claro esta notícia.

    proferido por Asulado @ 2/26/2004 08:58:00 da manhã
    |

        quarta-feira, fevereiro 25, 2004  
    Subscrevo... 
    ... este post do JPP.

    proferido por Asulado @ 2/25/2004 04:54:00 da tarde
    |

        terça-feira, fevereiro 24, 2004  
    Rádio Asul 
    Este blog já tem banda sonora! Podem encontrar ali ao lado o link da Rádio Asul.
    Não tive como preocupação respeitar a regra de 50% de música portuguesa imposta pela Lei da Rádio (com a qual não concordo), mas ainda assim a minha playlist (outro conceito do panorama radiofónico actual que abomino) contém 44% de produção nacional.
    Espero que gostem e, mais importante, que descubram coisas que desconheciam.

    proferido por Asulado @ 2/24/2004 05:18:00 da tarde
    |

        segunda-feira, fevereiro 23, 2004  
    1 ano às marretadas 
    Para comemorar o seu 1º aniversário na blogosfera, os Marretas resolveram trocar de posição e deram o espaço de edição aos seus leitores, remetendo-se eles para a zona dos comentários.
    O post que lá deixei tem trazido alguma animação a este porto, em dia xôxo de ponte.
    Obrigado, velhotes, e continuem até as artrites o permitirem!

    proferido por Asulado @ 2/23/2004 08:30:00 da tarde
    |
     
    Diálogo carnavalesco 
    Agradeço ao filme da Família Addams por me ter proporcionado uma resposta à altura à pergunta mais insistentemente repetida na época de Carvaval.
    - Então, não te mascaras este ano?
    - Estou mascarado de assassino psicopata.
    - Mas... estás vestido normalmente!
    - Os assassinos psicopatas parecem-se com pessoas normais.
    - ...

    proferido por Asulado @ 2/23/2004 12:03:00 da tarde
    |

        sábado, fevereiro 21, 2004  
    Pixies novamente em Portugal 

    Depois de já aqui ter falado na reunião do grupo de David Lovering, Joey Santiago, Kim Deal/Mrs. John Murphy e Charles Thompson/Black Francis/Frank Black (esq. p/ dir.), eis que recebo um mail do Net Pulha a informar-me da confirmação do regresso da banda a Portugal, 13 anos depois (como o tempo passa!), integrado na 10ª edição do Festival Super BRock. É no dia 11 de Junho, no Parque do Tejo (Parque das Nações, Lisboa). Quando é que começa a venda de bilhetes?

    proferido por Asulado @ 2/21/2004 11:23:00 da manhã
    |

        sexta-feira, fevereiro 20, 2004  
    Alterações (actualização) 
    Já descobri que para o trackback funcionar é mesmo necessário fazer o ping.
    Apesar de algo desiludido com esta funcionalidade, já comecei a utilizá-la para fornecer a indicação aos leitores se determinado post teve sequência no blog.

    proferido por Asulado @ 2/20/2004 10:09:00 da tarde
    |
     
    Alterações 
    O trackback, funcionalidade associada a cada post que indica os links que lhe são feitos, era um exclusivo do motor editorial Movable Type, como me explicou o Luis Ene. Digo era, porque a Haloscan, que possibilita o sistema de comentários neste blog e em muitos outros, permite agora essa funcionalidade mesmo a quem edita o seu blog com o Blogger.
    Depois de instalar o aplicativo, deparei que alguns posts que eu sei que foram linkados noutros blogs não o indicam.
    Será que a funcionalidade só se aplica a posts novos? Será que o rastreio demora algum tempo a ser feito? Será que só funciona se quem fez o link fizer o ping para o blog?
    Será que alguém me consegue esclarecer?

    proferido por Asulado @ 2/20/2004 04:01:00 da tarde
    |
     
    Asul cor-de-roza II 
    Ninguém nega que este casal tem pelo menos uma coisa em comum: o gosto pelos saltos, que podem ser à corda ou para a piscina.
    Podia fazer mais comentários, mas deixo isso para a imaginação fértil dos leitores deste blog.

    proferido por Asulado @ 2/20/2004 08:49:00 da manhã
    |

        quinta-feira, fevereiro 19, 2004  
    Rescaldo da noite 
    Conforme prometido, vou comentar a aventura de chegar a um estádio novo em dia de jogo grande, e também um pouco do ambiente em volta do encontro, atendendo a algumas solicitações.
    O conselho da Susana já não veio a horas, pois saí de Olhão às 19:15, o que se provou ser já tarde. Mas não tinha intenção de ir por S. João da Venda. Segui rumo a Faro, fiz o célebre desvio do Patacão (passando pelo Chelote) para evitar circular dentro da capital algarvia, e retomei a EN125, começando pouco depois a fila passo-de-caracol rumo a Loulé. Após a bifurcação em que se entra no IC4, e logo na primeira saída, encontro um GNR a esbracejar e a apitar insistentemente, indicando aquela direcção a todos os carros. Espero que ninguém que tivesse como destino Loulé tenha seguido o seu conselho. Por saber que mais à frente existia outro desvio, esse sim com uma grande placa a indicar 'Parque das Cidades', abrandei e perguntei ao agente se aquele era o caminho para o estádio, ao que ele me respondeu com a continuação do esbracejar e das apitadelas. Penso que teria sido muito mais fácil terem colocado nesse desvio uma simples seta a indicar 'Estádio', tinham poupado imenso esforço àquele pobre homem. Com alguma dificuldade no trânsito, lá consegui chegar à rotunda de acesso aos parques de estacionamento, onde estavam mais agentes da GNR a esbracejar para garantir a fluidez do tráfego, mas sem darem qualquer indicação de estacionamento. Resultado: segui para norte (com o estádio à minha direita), para ter que dar a volta noutra rotunda, por esse parque já se encontrar lotado. Muitos mais vieram atrás de mim, e continuaram a entrar nesse parque mesmo quando eu já ia a sair dele. De regresso à 1ª rotunda, sigo na direcção oeste, onde vou parar a outro parque com bastantes lugares disponíveis. Não havia necessidade, como diria o outro.
    Ainda no acesso ao estádio, queria realçar o funcionamento dos torniquetes, que só permite a introdução de novo bilhete cerca de 10 segundos depois da pessoa anterior ter passado, o que provoca algum congestionamento.
    Como diz o jcb e bem, um jogo ao vivo «não é a mesma coisa (que) estar sentado diante da TV». O que causa maior estranheza a quem está habituado às transmissões televisivas é a ausência de um comentador, por muito mau que ele seja. Para compensar, nos estádios portugueses podemos encontrar essa bela espécie que são os "comentadores de bancada", não tão precisos mas certamente mais acutilantes. Outra grande diferença em relação à televisão é a visão de jogo: aqui só temos uma, e sem repetições; se isso não nos permite acompanhar por igual todo o desenrolar do jogo, possibilita-nos captar pormenores que podem passar despercebidos mesmo a quem está sentado ao nosso lado.
    O ambiente nas bancadas foi fantástico, havia ingleses misturados pelas outras bancadas que não a que lhes era especialmente destinada, alguns deles bem castiços, e que ajudaram bastante à festa.
    Relativamente ao jogo, apenas alguns comentários. Gostei bastante da actuação do Miguel, conseguiu por algumas vezes lançar ataques rápidos pelo seu flanco direito; só depois do jogo (a tal questão da visão) é que soube que tinha sido ele o autor do golo inglês, o que não altera em nada o meu comentário anterior. O Cristiano Ronaldo mostrou alguns pormenores dignos de nota, mas ainda há ali muito por onde evoluir. Caso Portugal seja apurado para o Mundial de 2006, prevejo que se dê aí a sua consagração.
    Ao sair do estádio, mais uma vez nenhuma indicação. Fui seguindo por onde o instinto me indicou, e dei por mim no IC4 em direcção a Loulé. Acabei por entrar na A22 (Via do Infante), e seguir por aí rumo a Olhão.
    Conclusão: espero que os responsáveis pela organização do Euro 2004 tenham aprendido alguma coisa com esta experiência.

    proferido por Asulado @ 2/19/2004 09:35:00 da manhã
    |

        quarta-feira, fevereiro 18, 2004  
    Tá quá!* 
    Faltam poucas horas para o jogo Portugal-Inglaterra.
    Tal como já aqui falei na venda dos bilhetes, tenciono depois tecer comentários, não tanto ao jogo, que será transmitido pela RTP1, mas mais às acessibilidades, quer às imediações quer ao interior do estádio.
    Caso alguma câmera televisiva tenha o mau gosto de me focar, vai ser fácil identificarem-me: vou estar com um cachecol com as cores nacionais.
    *expressão olhanense que em português significa "Está quase!"

    proferido por Asulado @ 2/18/2004 02:06:00 da tarde
    |

        segunda-feira, fevereiro 16, 2004  
    A proposta de Freitas 
    Não tencionava voltar a falar neste assunto depois do que já disse aqui. Estranho no entanto que, por ser um tema bastante debatido na blogosfera, não tenha havido neste meio grandes reacções à proposta sobre o aborto de Diogo Freitas do Amaral, publicada na página 122 da edição de 12/02/2004 da revista Visão.
    Penso que Freitas do Amaral não teve como intenção agradar a gregos e a troianos, mas sim chegar a uma situação de consenso. E como em qualquer consenso, nenhuma das partes fica satisfeita, pois é necessário haver cedências de lado a lado para se conseguir um acordo. Não pretendo discutir se a proposta é boa ou não, mas julgo que deveria merecer uma leitura atenta por parte de todos. Por ser um assunto que envolve importantes questões éticas e morais inconciliáveis, penso que seria preferível optar por uma situação de consenso, esta ou outra, que evitasse um eternizar de referendos solicitados pela facção que saísse derrotada no anterior, e mais importante, que resolvesse o problema.
    Ao apresentar esta proposta, com a qual provavelmente nem concordará na totalidade, Freitas do Amaral teve uma atitude própria de Presidente da República.
    Será que... ?

    proferido por Asulado @ 2/16/2004 02:39:00 da tarde
    |

        domingo, fevereiro 15, 2004  
    Aproxima-se a hora do clássico II 
    O desfecho do jogo que oporá águias e dragões trará maior ou menor interesse ao desenrolar do campeonato, mas não será aqui que ele se decide, ainda faltam muitas jornadas até ao final.
    «Quero ver a reacção quando perderem», diz José Antonio Camacho. Veremos se o seu optimismo se confirma.

    proferido por Asulado @ 2/15/2004 11:33:00 da manhã
    |

        sábado, fevereiro 14, 2004  
    Santana assume-se 
    Tal como eu havia previsto num comentário que deixei a um post do FV em Novembro, Santana Lopes tinha mesmo intenção de se candidatar à Presidência da República, mas adianta agora que essa vontade é alheia aos propósitos de Cavaco Silva. Mais, "explica" porque é que nem Cavaco nem também (implicitamente) Marcelo reunem condições para avançar.
    Continuo a acreditar que, apesar destas declarações, Santana Lopes não irá avançar contra uma eventual candidatura de Cavaco Silva.

    proferido por Asulado @ 2/14/2004 12:19:00 da tarde
    |

        sexta-feira, fevereiro 13, 2004  
    Portugal-Inglaterra: os bilhetes 
    O Al Cagoita já dissertou sobre a venda de bilhetes para o jogo inaugural a nível internacional do Estádio Algarve. Vou aproveitar para comentar a situação que me diz respeito.
    Não tratei pessoalmente de fazer a reserva de bilhetes para o referido jogo, pois o meu cunhado ofereceu-se para o fazer para todos os familiares interessados. Logo na altura achei estranho não haver limite de bilhetes por pedido pessoal (só para cidadãos ingleses é que o limite foi fixado em 4 bilhetes por pessoa), e a organização garantir a atribuição de todos os bilhetes reservados (no nosso caso eram 9).
    Pelo que já li sobre o assunto, até nem tivemos azar, pois foi-nos atribuída a quantidade pretendida. Só que a reserva foi feita para a bancada central, e foram-nos entregues 5 bilhetes para a lateral e 4 para o topo. Acredito que haja mais situações destas de "distribuir o mal pelas aldeias".
    No caso particular deste jogo, penso que se deveria ter optado pela reserva concreta de lugares, ou seja, os pedidos deveriam ter sido satisfeitos pela ordem de entrada e atribuídos logo na altura os lugares pretendidos, dentro da disponibilidade verificada no momento. Para além de uma maior satisfação do cliente, este cenário possibilitaria à Federação uma antecipação de receitas.
    Se houvesse algum inconveniente neste sistema (que não vejo que o haja), poder-se-ia ter optado pela solução encontrada para o Euro 2004, que se justifica plenamente nesse evento, pois na altura em que os bilhetes foram postos à venda ainda não se conhecia o calendário da fase de grupos.
    Agora o que aconteceu neste caso foi tudo menos transparente.

    proferido por Asulado @ 2/13/2004 06:25:00 da tarde
    |

        quinta-feira, fevereiro 12, 2004  
    Junkie Saddam 
    Qualquer dia deparamos com a notícia de que certos habitantes olhanenses resolveram anexar a Ilha da Culatra...

    proferido por Asulado @ 2/12/2004 02:37:00 da tarde
    |
     
    De volta 
    Já dei uma breve vista de olhos aos blogs mais chegados. As novidades que uma curta pausa de 3 dias na blogosfera trazem é impressionante.

    proferido por Asulado @ 2/12/2004 09:43:00 da manhã
    |

        domingo, fevereiro 08, 2004  
    Pausa bloguística 
    Parto daqui a pouco rumo à capital, por motivos profissionais, onde deverei permanecer até quase ao fim da semana.
    Uma boa semana a todos.

    proferido por Asulado @ 2/08/2004 06:23:00 da tarde
    |
     
    Futurologia 
    Achei interessante publicar aqui a resposta que enviei ao apelo bloguítico:
    Prevejo que nos próximos doze meses haverá um aumento significativo da presença portuguesa na blogosfera. Apesar de actualmente ser já um fenómeno considerável, ainda há muito por onde crescer, e não será ainda neste espaço de tempo que o seu interesse esmorecerá. Muitos blogs ficarão pelo caminho, mas muitos mais vingarão. A "selecção natural" não se fará pela qualidade, mas pela (in)disponibilidade dos autores em acompanhar o ritmo frenético da blogosfera. O aumento que prevejo provocará uma maior procura que a já existente, e o desejo de anunciantes em publicitar nos blogs mais visitados, mais do que a proliferação de conteúdos pagos nestes. Poderão confrontar-me em Fevereiro de 2005 com o que escrevi agora, caso nessa altura ainda exista o Asul.

    proferido por Asulado @ 2/08/2004 11:41:00 da manhã
    |

        sábado, fevereiro 07, 2004  
    Os Dias da Rádio 
    A Susana aceitou a minha sugestão e levou-a mais além. Juntou mais pessoal da Atlântico e criaram um blog da própria rádio.
    Penso que será útil quer para os leitores, que poderão acompanhar o dia-a-dia de uma rádio visto por dentro, quer para os autores, pois o sistema de comentários inserido permitirá uma maior interactividade com quem os acompanha.
    Que a experiência seja enriquecedora!

    proferido por Asulado @ 2/07/2004 11:48:00 da manhã
    |

        sexta-feira, fevereiro 06, 2004  
    Life to The Pixies 
    Geralmente estas reuniões têm por trás outras questões que não as artísticas, mas seria com grande satisfação que assistiria novamente a um concerto de uma das minhas bandas rock preferidas de sempre (vi-os no Coliseu de Lisboa em 1991, pouco antes da sua separação).
    Já em 1998 assisti entusiasmado, no Pavilhão Atlântico, à reunião de outra das minhas bandas preferidas, os Bauhaus, da qual só conheci o trabalho anos depois da sua separação. O Net Pulha nesse concerto armou-se em cota, e resolveu assisti-lo da bancada, a gozar o pratinho de ver uma platéia com uma média de idades superior à habitual, com as limitações físicas que isso acarreta.
    Não vou incluir neste rol o recente concerto de The Doors, que proporcionou bons momentos a quem o assistiu, mas que incluiu apenas 2 membros originais da banda. E mesmo se esses membros tivessem primado pela ausência, a satisfação do público não teria sido diferente.

    proferido por Asulado @ 2/06/2004 02:53:00 da tarde
    |

        quinta-feira, fevereiro 05, 2004  
    A Justiça: as reacções 
    Começo por agradecer a quem comentou o meu post anterior. Não me considero nem de longe nem de perto o dono da verdade, e gosto sempre de confrontar as minhas opiniões com as dos outros.
    Gostei de ler o comentário de alguém com formação jurídica como a MF, fez-me concluir que a minha teoria, certa ou errada, não é disparatada de todo.
    Outro jurista, o CC, pergunta-me como se presumiria a continuada prevaricação de um indivíduo. Não seria decerto ouvindo a opinião da Cristina Candeias com um portátil à frente. Tal como eu disse, a hipotética situação requereria um acompanhamento sério do indivíduo em reclusão. A Psicologia não é uma ciência infalível, mas já proporciona meios eficazes de análises comportamentais. Relativamente à hipótese limite que apresenta, de uma pena de oito anos se poder estender até ao fim da vida, contraponho: choca-me muito mais ouvir a notícia de um indivíduo, num espaço de nove anos, ter sido condenado três vezes por fogo posto. E se considerarmos as hipóteses de alguém ser apanhado em flagrante em actividade pirómana, a preocupação ainda é maior.
    No comentário do Mais um liberal, não concordo com a sua última afirmação. O excessivo tempo de prisão preventiva existente em Portugal não resulta da decisão de um juíz, mas da determinação da Lei e da morosidade da Justiça. Estou-me a lembrar da situação do assassinato de duas raparigas britânicas, em que a acusação teve que ser formulada em 48 horas, caso contrário os suspeitos do crime sairiam em liberdade. Entre o 8 e o 80 há que encontrar um meio termo. Quanto aos casos de prisão efectiva determinada por um veredicto judicial, não tenho idéia de que os juízes apliquem a pena máxima prevista senão em casos pontuais e de reincidência, e mesmo essa é na esmagadora maioria dos casos atenuada por comutações previstas na Lei, perdões ou indultos.
    Já agora, penso que os indultos presidenciais, previstos no Artigo 134º alínea f) da Constituição, são contraditórios com a separação de poderes consagrada no Artigo 2º.
    É a minha opinião.

    proferido por Asulado @ 2/05/2004 10:07:00 da tarde
    |

        quarta-feira, fevereiro 04, 2004  
    A Justiça 
    Metade dos presos volta ao crime
    aqui tinha mostrado intenção de voltar a este assunto, e a manchete do CM deu-me mais um motivo.
    Tenho idéias próprias sobre o funcionamento da Justiça em Portugal, que já chocaram algumas pessoas. Expu-las uma vez numa mesa de café, e a reacção de uma advogada presente foi simplesmente abanar negativamente a cabeça boquiaberta.
    Começo por dizer que sou contra a pena capital. Talvez fruto da educação que tive, não vejo a morte como um castigo, e essa pena aplicada a um criminoso nada restituirá àqueles que prejudicou. Ética à parte, a morte é algo irreversível, e a sua aplicação penal poderia causar enormes injustiças em caso de erro jurídico.
    Por outro lado, não me choca a prisão perpétua. Esta foi uma questão muito falada quando se discutiu a constituição de um Tribunal Penal Internacional, e que tanta celeuma causou no nosso país, com inúmeras vozes a considerar a aplicabilidade da pena de prisão perpétua a cidadãos portugueses como um retrocesso na História da nossa Justiça.
    Não defendo um veredicto jurídico que declare prisão perpétua. Apenas considero que, da mesma forma que existem mecanismos na Lei que permitem o encurtamento de pena, também os deveria haver que permitissem a sua extensão. Entendo que não faz sentido libertar um indivíduo que se presume que, uma vez em liberdade, continuará a prevaricar. Há a noção, absolutamente correcta, de que os reclusos são seres humanos com os direitos que lhes são inerentes. Mas também é preciso considerar o direito de segurança que é devido a todos os inocentes que estão cá fora.
    É claro que para uma situação destas funcionar deveria haver um acompanhamento sério da evolução do comportamento do indivíduo em situação de reclusão. O que admito que seja difícil de pôr em prática, uma vez que actualmente os estabelecimentos prisionais não conseguem cumprir a função de orgão de reinserção social que deveriam ter. Mas alguma coisa tem que ser feita, a bem de todos.

    proferido por Asulado @ 2/04/2004 10:29:00 da tarde
    |
     
    Apelo Bloguítico: 
    "Lanço um desafio aos leitores do Bloguítica que estejam interessados em participar:
    Num texto entre 50 e 125 palavras, deverão descrever como é que acham que será a blogosfera portuguesa daqui a um ano.
    Todos os artigos que receber (bloguitica@hotmail.com) serão publicados no Bloguítica na próxima segunda-feira. A identidade do autor (e o nome do blogue se tiver um) será revelada ou não, dependendo da vontade do mesmo.
    Será certamente interessante ler os textos para a semana que vem e, sobretudo, reler em Fevereiro de 2005…"

    proferido por Asulado @ 2/04/2004 12:51:00 da tarde
    |

        terça-feira, fevereiro 03, 2004  
    Já estava a estranhar 
    Depois do luto, o negócio. Já vi hoje numa loja de artigos desportivos de Olhão, e com a certeza de que esta situação se repetirá por todo o país, a "camisola berrante" nº 29 a ocupar o lugar central da montra.

    proferido por Asulado @ 2/03/2004 02:57:00 da tarde
    |
     
    Asul cor-de-roza 
    A cegonha chegou e quase ninguém deu por nada!
    Parabéns aos papás babados!

    proferido por Asulado @ 2/03/2004 11:54:00 da manhã
    |

        segunda-feira, fevereiro 02, 2004  
    Força, Bento! 
    Ora aqui está um melo que sabe dar porrada, e não o faz num estádio de futebol.

    proferido por Asulado @ 2/02/2004 02:56:00 da tarde
    |

        domingo, fevereiro 01, 2004  
    Restaurante Almargem 
    Apesar de ostentar este nome, é também vulgarmente conhecido por Bife na Pedra, por ser este o seu prato mais famoso.
    Situa-se no sítio da Almargem: quem segue pela EN 125 em direcção a Vila Real de Stº António, encontra alguns kms depois de Tavira placas com as indicações 'Mata da Conceição' e 'Almargem'. Vira então à sua esquerda, segue por uma estrada estreita, e algumas centenas de metros à frente tem o restaurante à sua direita.
    Após alguns minutos no restaurante, não é difícil perceber que mais de metade dos comensais optam pelo prato mais famoso, carne de vitela servida em cima de pedra incandescente, onde cada um pode acabar de confeccionar o prato a seu gosto, bem ou mal passado. Pode ainda adicionar manteiga, que é fornecida juntamente com os acompanhamentos: batatas fritas e salada. Uma das tipicidades da casa é o enorme babete que é fornecido a quem escolhe este prato, de modo a que não se suje com os salpicos da assadura, o que dá uma certa piada ao ambiente do restaurante.
    Hoje resolvi seguir uma das sugestões inscritas na parede, e pedi espetada de tamboril, que para além do referido peixe traz também dois grandes camarões e dois nacos de carne. Estava boa, mas ficou aquém da minha escolha habitual na área dos peixes: bife de peixe-agulha grelhado (mais saboroso que o de espadarte).
    Nas sobremesas encontra-se doçaria variada, alguma da qual regional (companheiros apreciadores de alfarroba, aqui somos compreendidos).
    O preço vai um pouco acima dos €15,00 por pessoa.

    proferido por Asulado @ 2/01/2004 06:08:00 da tarde
    |
     
    Roteiro Gastronómico: o regresso 
    Há muito tempo que este roteiro não é actualizado, e não o vai continuar a ser com a mesma frequência que foi no início. Isto deve-se ao facto de eu entender apenas escrever sobre restaurantes de que tenho um conhecimento mais que superficial, e a lista dos que frequento mais assiduamente não ser muito vasta. A excepção foi a Marisqueira Amador, que nunca frequentei, mas por falar no local por outros motivos resolvi incluí-lo também no roteiro.
    Hoje pela primeira vez o roteiro vai sair de Olhão, em direcção ao seu concelho vizinho a sotavento. Seria uma boa indicação para o fim-de-semana algarvio do Chalabi, mas como bom conhecedor da zona de Tavira que é, este restaurante não lhe deve ser alheio.
    Já a seguir.

    proferido por Asulado @ 2/01/2004 05:35:00 da tarde
    |
     
    Sobre o jogo e tudo à volta... 
    ... não vou tecer grandes comentários. Aconteceram coisas feias de parte a parte, e cada um tirará a sua conclusão pelo que viu e pelo que lerá na imprensa. Já vi muitas pessoas lúcidas (grupo no qual imodestamente me incluo) perderem a razão quando discutem futebol, e não pretendo cair no mesmo erro.
    O meu serão pós-jogo foi passado na companhia de amigos, entre os quais constavam o i am you e o Envenenado. Falou-se de futebol, sempre em tom jocoso e com muitas gargalhadas pelo meio, e de coisas mais importantes.

    proferido por Asulado @ 2/01/2004 11:28:00 da manhã
    |

    referer referrer referers referrers http_referer